NUTRIENTES – INTRODUÇÃO

A análise da evidência biológica demonstra que o ser humano possui uma natureza essencialmente adaptada para o consumo de plantas, e que a carne foi secundária no processo de hominização. De facto, há dois grupos básicos de alimentos que, apesar da sua tipologia e constituição diversa, possuem características nutricionais únicas e inteiramente distintas entre si: os de origem vegetal e os de origem animal. Consequentemente, o desenvolvimento de adaptações marcadas a um dos grupos de alimentos tende a invalidar uma adequação a alimentos do grupo oposto, devido ao comprometimento das expectativas nutricionais do organismo. Apesar disso, o preconceito sobre a adopção de uma dieta direccionada para alimentos de origem vegetal, ao contrário dos de origem animal, reside, principalmente, nas dúvidas relativas à sua adequação nutricional.

Nesse contexto, importa ressalvar que todos os nutrientes essenciais são, sem excepção, produzidos por plantas ou bactérias – razão pela qual são denominadas por “produtoras” – e que os animais apenas os reciclam e incorporam nos seus tecidos a partir da cadeia alimentar – razão pela qual são denominados por “consumidores”.1 As substâncias características dos animais não são essenciais, uma vez que o próprio organismo humano, tal como o de muitos outros animais que estão adaptados para derivar a sua nutrição de plantas, está capacitado para as produzir. Por outro lado, muitos nutrientes essenciais são inteiramente ausentes em fontes animais, o que demonstra a coadunação da evidência evolutiva com a nutricional. No entanto, para determinar para lá de qualquer dúvida a adequação de ambos os grupos de alimentos, é necessário conhecer detalhadamente os elementos que os constituem, nomeadamente os nutrientes, e a forma como interagem com o organismo.

OS TIPOS DE ALIMENTOS

PLANTAS                                                      ANIMAIS

Há dois grandes grupos de alimentos: os de origem vegetal e os de origem animal. Enquanto as plantas são as produtoras originais dos nutrientes essenciais na cadeia alimentar, os animais são consumidores e recicladores de nutrientes produzidos por plantas.

OS TIPOS DE NUTRIENTES

MACRONUTRIENTES

Aqueles dos quais são extraídas calorias – o “combustível” energético – e que necessitam de ser consumidos em maior quantidade.

Hidratos de Carbono

Proteínas

Gorduras

MICRONUTRIENTES

As reconhecidas Vitaminas e Minerais, requisitadas pelo organismo em quantidades mais pequenas, em relação aos macronutrientes.

Vitaminas e Minerais

FITONUTRIENTES.

Químicos encontrados unicamente em plantas.

Fitonutrientes

FIBRA

A componente indigerível das plantas.

Fibra


1 – Michael Kent. (2000) Advanced Biology. Oxford University Press.


Leave a Reply